Meu peso

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Continuando a Caminhada até Maria



Olá meninas continuando minha história do primeiro dia de caminhada, realmente no primeiro dia foi tudo muito bom estava uma noite linda onde só se ouvia ou minha respiração, ou minha reza.

Meu marido me largou na estrada eram 20 horas depois de ter jantado, segui com meu terço, lanterna na cabeça e mala com muita agua, haviam ainda muitos peregrinos na estrada, o postos de socorros estavam abertos, uns da cruz vermelha, bombeiros, protecção civil, e até outro de uma organização voluntária de apoio a desastres naturais, todo aquele apoio é impressionaste, muitos peregrinos que concerteza já caminhavam a muito, com pés completamente destruídos pelo excesso de caminho percorrido em pé, impressionei-me com um senhor com uma bolha gigante que ocupada quase o pé todo, graças a DEUS existe estes socorros na estrada de 3 em 3 kilometros, é muito importante, pois fazem massagens, tratamentos aos pés de quem necessita, têm agua, café e leite, comida e também dormida para alguns que porventura possam estar necessitados e distantes dos seus locais de recolha.

A partir das 23 horas sensivelmente não existiam quase nenhuns peregrinos a caminhar, eu continuei meu caminho firme e forte pois ainda faltava bastante, durante o percurso parei muito poucas vezes porque enquanto estamos andar tudo vai bem, quando se para quebra o ritmo e chega a moleza, dai ter evitado ao máximo parar.

Meu marido estava na auto caravana com as crianças, e ia comunicando comigo através de um rádio de PMR.

Por volta da 1.30 horas da madrugada passei por uma terrinha onde o cheirinho a pão invadia meu nariz, rsrsrsrsr, entrei na padaria e pedi se podiam me tirar uma foto na rua, noite escura onde resultou apenas a visibilidade do meu colete, mas também era isso que pretendia.


Segui meu caminho e o cansaço tentava chegar mas fiz-me de forte, poderosa e segui firme.

Por voltas das 3 da manhã talvez por falta de sono ou preocupação do meu marido e filho pois penso que era a única aquela hora a caminhar, pois os últimos peregrinos que se haviam cruzado comigo havia sido por volta da meia noite, então começo a ouvir eles a disserem ao rádio, cuidado com o lobo uuuuuuuuuuuu,.....

E eu pumba ,..... bateu o medo, coisa estúpida que se lembraram de me fazer, depois para piorar aparece-me um cão a frente, fiquei assustadissima.

Comecei a caminhar cada vez mais rápido e mais e mais, e fui pensando noutras coisas que acabei por esquecer a brincadeira parva.

Entretanto o inevitavel aconteceu bateu o sono, forte cheio de cansaço, queria dormir, eu não o meu corpo, casando e suado, pedi descanso, chamei meu marido pelo rádio e ele veio a meu encontro.

Eram 4.30 da manhã, 30 kilometros percorridos, muita coisa reflectida, e muito cansaço no corpo, nem banho tomei.

Deitei na cama e apaguei por completo, só voltei acordar as 10 horas do outro dia pra tomar banho, comer e voltar a caminhar.

Continua,....



10 comentários:

Rhiana Negreiros 18 de maio de 2010 às 03:04  

Oiii amiga!! Nossa, que batalha, ein?? Mas vc vai sair vitoriosa dessa, tenho certeza!! Vitoriosa e com uma experiência a mais na vida pra contar... E iluminada, cheia de paz de espírito... E com certeza mais magrinha né?? pq com toda essa caminhada...

Cuida desse pézinho, viu??? E muito boa sorte no resto da caminhada!! Tou aqui esperando vc voltar de vez pra contar todos os detalhes!!!

ounn, linda, brigadíssima pelas suas palavras lá no meu cantinho... Eu tbm gosto demaaais de vc, e adoro vir por aqui te acompanhar... E juntas nós vamos conseguir vencer a balança!!!

Amiga, eu entrevei a minha perna tentando fzr os polichinelos do desafio... Na realidade fui meio burra, pq não alonguei antes e estava sem fzr atividade física há mt tempo... Fiquei com uma dor desgraçada, que só passou depois de 3 dias!!! Mas graças a Deus agora já estou melhor!! 100%!! Brigada pela preocupação, viu linda???

Amiga, nem se preocupe que quando meu simulador de caminhada chegar eu vou fazê-lo em frente a TV!! Comprei-o justamente nesse intuito, acho que a gente se exercita sem nem sentir, né?? Prestando atenção nos programas que gosta... Mas de qualquer forma, brigada pela dica!!

Um beijo grande, viu flor?? Fica com Deus e uma ótima semaninha light pra vc!!!

www.napazcomabalanca.blogspot.com

Solange Mello 18 de maio de 2010 às 05:37  

Nossa estou amando ler tua experiência. Obrigada pela boa vinda. Estamos todas nessa, né? Fácil não é, mas tbêm não impossível, assim como tua caminhada. O que é isto nos calos?
Comecei hoje meu desafio e o mais difícil, como esperava, era a tal água. O polichinelo me deixou com as pernas bambas e o abdominal, não consegui fazer os 100, mas a água tá difícil, máximo 3 copos.......mas vamos que vamos, um dia após o outro.
Estou aguardando a continuação da tua peregrinação. Um BACC especial à ti (beijo e abraço de coração a coração)

claudia 18 de maio de 2010 às 07:59  

Olá amiga, adorei lêr parte do seu percurso até Fatima, e a Fé que sentes. Adorei vêr a foto de corpo inteiro, assim tenho melhor noção de como és :) e és mto bonita.
Bjs clau

LiFe AiNt EaSy 18 de maio de 2010 às 11:37  

Olá amiga, Maria, Fatima até mesmo os foles nos pés tudo me faz lembrar a minha mãe. Estou a pensar la ir mas vou de carro mais o meu Nenuco. Há um ano que lá não vou. Mesmo não acreditando em Deus, acredito na fé que é depositada na nossa senhora, como já te disse.

Beijocas grandes amiga e obrigado pela força. És uma querida!

Simone Domingues 18 de maio de 2010 às 12:18  

Minha irmão querida que adorooooo

que saudades eu estava de vc, amei as fotos, lindona estou melhor fui ao medico e estou tomando os remédios ainda sinto dor mas daqui um tempo passa.
mas amada fico feliz com essa sua ida a fatima que coisa mas linda, voltarei com mais calma para ler tudinho.
beijos e continue firme

geo 18 de maio de 2010 às 13:49  

Olá...guerreira mesmo!!
Acompanhei o papa pela tv e toda as celebrações de Maria,alias como sempre dá me vontade chorar.

E já deu para perceber que tens muita força,parabéns para ti!

Outro assunto vale a pena comprar a wii a tua opinião ,fala-me mais sobre a tua.Obrigada.

Continuação de boa semana!
Beijinho e abraço.

Renata 18 de maio de 2010 às 15:29  

Seus relatos estão me emocionando flor...q gerreira vc foi.
beijos
Conta maisssss.
http://vousermagraelight.blogspot.com/

Loyola 18 de maio de 2010 às 22:45  

só passando para deixar uma beijoca! e desejar muita força ;) ótima semana!!

Lary 19 de maio de 2010 às 00:52  

Nossa amiga!
Que grande aventuraaaaa!

Acho que por mais que tenha sido dolorosa valeu mto a pena não é?!

Beijooos florrr!

Sammy Leilane 19 de maio de 2010 às 01:26  

que batalha menina! parabens por sua coragem viu menina? uma quarta linda pra ti!!!! bjus!